17.3.09

The United States Of Tara - 1x09 - Possibility!


Comentários do episódio ''Possibility'' de The United States Of Tara, spoilers abaixo!

A medida que The US of Tara vai se aproximando do seu final de temporada, as coisas começam a esquentar e acontecer de fato. Nesse episódio tivemos duas participações especiais que nem foram tão marcantes assim, mais foi muito bacana de se ver, uma delas foi de Ken Marino que estará estrelando Party Down e já trabalhou em séries como Verônica Mars e Ryan Eggold, o Professor Matthews de 90210 também fez parte desse episódio.

Tara e Kate resolvem que vão tirar um dia somente para elas. Tara anda muito frustrada com Max, ele agora colocou na cabeça que vai descobrir tudo sobre o seu passado e não pensa em mais outra coisa. Kate está de saco cheio do seu namoro com o gerente do bar onde trabalha, o cara é muito xicletão e isso faz com quê ela queira se afastar dele. Em meio a esses problemas as duas resolvem passar um dia hospedadas em um hotel, somente as duas.

Enquanto isso, a trama não-chove-não-molha do Marshall com o Jason finalmente se desenrolou. Como Tara, Kate e Max haviam saído de casa, Marsh chamou Jason para verem um filme, os dois beberam um pouco mais e acabaram transando. Ficou totalmente evidente que Jason era tão afim de Marsh, quanto o garoto era afim dele.

Kate resolve sair de casalzinho. Enquando Tara conhece melhor o personagem de Ken Marino, a garota se diverte na piscina com o Mr Mathews de 90210. Tara resolve ir embora e como, Kate insiste em ficar na piscina com o cara, a personalidade de T vem a tona. Ela quase faz uma tatuagem de animais transando no corpo, mais por pouco é salva pela filha.

As duas acabam fazendo uma tatuagem igual no final do episódio, mais claro, com Tara no comando de seu corpo.

Ótimo episódio que deu realmente uma boa agitada na trama. Senão me engano a série está entrando em sua reta final, portanto fiquem ligados, The United States Of Tara está surpreendentemente formidável!

1 Comment:

Solimar said...

Eu já não achei o episódio tão bom... Não houve progresso na trama, a não ser pelo romance do Marshall.
Em comparação com os episódios anteriores, "Possibility" foi fraco, mas mesmo assim foi divertido.