13.11.09

Glee | Wheels (spoilers)



Talvez o episódio mais dramático da temporada. O retorno de Glee foi ótimo, já estava com saudades da série e felizmente fomos agraciados com um dos melhores episódios já feito. Torcia ansiosamente para o dia em que Artie tivesse um pouco mais de destaque na trama e finalmente isso aconteceu. Apesar de não aparecer tanto o episódio foi totalmente voltado para o cadeirante, alias o mais importante e bacana de tudo, pela primeira vez vimos na série minorias sendo colocadas em primeiro plano. Foda.

Adorei ver um lado mais humano da Sue. A cena dela com a irmã no finalzinho do episódio foi linda e comovente, adorei. Bacana ver também o começo da relação entre Artie e Tina, meu novo casal preferido da série, só espero que não sejam esquecidos no próximo episódio, como aconteceu com o casal queridinho por todos Rachel-Puck. Falando em Puck não foi dessa vez que o malandro revelou que é o pai do filho da Quinn. Mesmo sem assumir o bebê ele se preocupa com a situação de Quinn, pilantragem mesmo é o quê ele vem fazendo com o pamonha do Finn, deixa só ele descobrir tudo.

Outro ponto bacana do episódio foi a trama do Kurt. Adoro o personagem e adorei ele ter peitado a Rachel para disputar a música que o Will havia passado para ela cantar. Rachel apesar de querida é arrogante que só ela, só conseguiu a música porquê Kurt simplesmente resolver dar ela de bandeja, alias ótimas cenas entre Kurt e o pai. Bacana.

Destaque musical para o número de ‘’Proud Mary’’ que fechou o episódio. Enquanto via a cena fiquei imaginado o quão difícil teve ter sido pra gravar a cena sem ninguém errar ou se atrapalhar com esses zilhões de cadeiras de rodas, né?


2 Comments:

Dan Artimos said...

muito bom o número... agora só fico chateado pela música não ter entrado no CD... ela ficou ótima

Sundfeld said...

Poxa, realmente um dos melhores episódios até agora
(sorry, mas o "01x05 - The Rhodes Not Taken" ta no coração AHUAUH)

Quando o Will começou a falar sobre o Artie eu ja achei estranho dele fazer o contrário com o Kurt, mas ele acabou arrumando as coisas...apesar de ainda continuar querendo a Rachel para a música, e vai, ela cantou bem melhor.
Adorei as cenas entre o Kurt e o pai dele, muito legal...mostra como é importante o apoio da família em assuntos como a homossexualidade, né? Entendo como deve ser difícil.
Outra cena foda, foi Sue e a irmã dela. Vocês notaram que a Sue ficou MUITO mais linda nessa cena? Nossa, tava tão linda *-*

Pela versão de Defying Gravity do ITunes, parece que ambos vão ficar com a música...ou eles nem vão mais tocar nessa música na série? Quero saber como vai ser o esquema pro final ._.

E os casais...to meio com raiva da Quinn, largue o Finn mesmo T_T fica bem legal Rachel e Finn, gostei das cenas com eles, apesar de terem sido poucas, e Puck e Quinn logo né e_e...ta demorando, tipo a mulher do Will (que graças, não vemos a muito tempo)

Bom, o epi foi foda, é isso *-*