24.5.10

LOST | The End (spoilers)



Acabou. LOST marcou uma era, não tem o quê discutir, sempre comentei aqui no blog o quanto não estava gostando dos rumos que a série tomou na última temporada, entretanto é mentira eu chegar aqui e dizer que não gostei do final da série. Como um todo pode ser até que sim, não gostei e achei que ficou devendo, entretanto é pelos personagens que eu acompanhei essa série desde o começo e foi por eles que eu cheguei tão longe.

O último episódio de LOST não foi nada revelador. A história terminou mal contada e metade dos mistérios (até mesmo dos mistérios dessa temporada, como a luz) não foram respondidos, e talvez nunca serão, o quê nos resta agora é interpretar cada qual a sua maneira o final da série e ver no saldo final se foi positivo pra você.

''The End'' foi um marco na história da televisão mundial, assim como o dia 23 de Maio de 2010 que será eternamente lembrado como o dia em que LOST acabou (ainda que ofuscado pelo final da ''Gorete'') e assim como o episódio piloto não sairá da cabeça dos fãs tão cedo. Quando LOST começou em 2004 uma das primeiras teorias (e mais obvias) que todos comentavam era de quê eles estariam mortos e aquilo seria o purgatório. De cara, os produtores do show negaram tal teoria, mais fato é que era quase que exatemente isso. Os flashsideways que acompanhamos nesta utima temporada era uma espécie de ''ritual'' que eles teriam que passar para encontrar a LUZ no final de tudo, onde possivelmente todos partem para o céu. Imagina-se que em algum ponto da vida de cada sobrevivente que estava preparado (nem todos estavam como Ben, Miles, Anna Lucia, Paulo, Nikki, Eko) para fazer a passagem, eles morrem e ficam ali na chamada ''realidade que deu certo'' onde só esperam o toque de alguém para lembrar-se de tudo e notar que chegou a hora de ir embora.

Foi impossivel não se emocionar. As participações especiais fizeram toda a diferença no episódio e todos os reencontros me fizeram chorar. Acabou que Desmond era mesmo a chave de tudo pois ele foi o único a convencer todos de quê era preciso partir. Na ilha a disputa do bem contra o mal foi facilmente vencida pelo bem. Após arrancar a ''rolha'' da ilha, Desmond deixou Lockezilla sem poderes e com isso ele foi facilmente vencido por Jack na briga nas rochas da ilha. Por fim o mal foi destruido, Ben e Hurley ficaram tomando conta do lugar, Lapidus, Alpert, Claire, Miles e Sawyer conseguiram deixar a ilha e Jack morreu sozinho exatamente no mesmo lugar onde caiu na queda do avião e ao lado de Vincent, os olhos do médico se fecham e a série acaba sem deixar muitas respostas.

Claro que é impossivel não comentar aqui a cena dos losties fazendo a ''partida'', emoção pura e atuações totalmente convincentes. É claro que o final da série deixou MUITO a desejar mais foram os personagens que fizeram tudo valer a pena, e se eu puder dar uma dica a quem nunca viu a série, assista. Mesmo com um final que não me agradou, foram seis anos de entretenimento correndo nas veias e emoções a flor da pele ao acompanhar a vida de personagens tão bem construídos. No fim de tudo a uma luz e valeu a pena ter chegado até ela.

6 Comments:

Pedrinho said...

a luz na caverna creio eu que seja electromagnetismo, por isso desmond era uma chave importante dentro da ilha, pq ele consegue sobreviver no electromagnetismo.

Brida said...

Pergunta: Paulo, Nikki, Eko apareceram ontem na series finale? Porque eu não. Vi a Ana Lucia somente. Vou assistir hoje novamente, na íntegra, pra ver esse detalhe. Só se esses 3 apareceram num dos vários momentos que o link caiu, e eu trocava de canal.
Uma coisa que também não foi revelada: o nome do MiB.
Descobri hoje pela Kristin dos Santos!

Petter said...

@Brida Não apareceram não, quando você ver o episódio irá entender o quê comentei!

Eryck Taques said...

Por mais que muitas coisas tenham ficado para trás. É impossível de não gostar do último episódio da série que amamos tanto.

Rubens Rodrigues said...

Primeira vez que a final de uma série me emocionou de verdade (leia-se: me fez chorar como criança). Lost pode parecer a coisa mais WTF?! quando os mistérios aparecem, mas ainda é incrível.

Lilica said...

Petter!

My friend! Além de ter sido uma série ótima, serviu pra encontrar pessoas queridas como vc, net afora!

Eu gostei do episódio. Aliás muito como vc deve imaginar. Deu jate nessa e na outra vida. kkkk

Mas tirando a parte romantica, gostei sim do final.

Religião e Ciência há anos explicam as mesmas coisas com palavras diferentes, a luz brilhante que dava poderes ao monstro era uma força da natureza, um eletromagnetismo.

Eu acho que Ben estava preparado sim. Tanto que se lembrou, se desculpou com Locke, teve um papo saudosista com Hurley. Mas ele não fez a passagem por opção. Alex e Danielle não estavam preparadas e ele precisava se redimir com elas.

Eu não suportaria ver todos e principalmente o Jack morrer, sem ver que td que ele fez foi recompensado. Independente de religião, Deus ou o que seja, saber que eles ficaram feliz em outro plano, me conforta.

Grande beijo amigo!